sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Jogo da Vida


JOGADORES: Apenas 1, ou seja, você.

INSTRUÇÕES: Coloque seu pino na posição inicial. Gire a roleta, e ande o número de casas correspondentes. Siga as instruções indicadas e tente chegar ao final.

COMECE O JOGO!

Sete. Seu pai lhe dá a primeira mesada. Receba 100 reais.

Um. Seu pai desiste da idéia. Devolva o que sobrou.

Oito. Você quebra aquele vaso caríssimo da sua mãe. Castigo!!!

Quatro. Você conhece uma menina no colégio, se apaixona, mas ela não te dá bola, e ainda faz questão de passar por você, se fazendo de difícil. Volte duas casas e tente esquecê-la.

Três. Vocês ficam. Uma rodada sem jogar, aproveite!

Seis. O tempo já passou, é hora do vestibular. Estude, fique cinco rodadas sem jogar.

Dois. “Alô papai, alô mamãe”, você passou, calouro. Avance uma casa, e ria dos seus amigos farristas. Avance.

Nove. É o amor!!! Uma namorada chega em sua vida, e te arrebata. Flutue até a próxima casa.

Um. Primeira D.R. Espere, deixe ela falar... Pelas próximas quatro rodadas. Ou cinco.

Cinco. A sua banda favorita vem até sua cidade... Mas o ingresso vai lhe custar um fígado. Peça emprestado, ou vá trabalhar. O show é amanhã.

Um. Você não conseguiu comprar o ingresso. Fique em casa, se lamentado pela internet.

Sete. Ih! Teve boatos que o professor vai passar uma prova muito difícil. Pare uma rodada para tentar se salvar.

Nove. Depois de tantos anos, finalmente, você está formado! Comemore com a família, com os amigos, avance mais uma casa, rumo ao mercado de trabalho.

Dois. Pronto! E agora? Cadê os classificados? Fique onde está por uma rodada, procurando emprego. E ache logo.

Quatro. Sim, você conseguiu seu emprego tão sonhado. Agora se vira, trata de trabalhar bastante, para avançar mais casas.

Dez. Muito esforço e, plim, um carro. Entre, sente-se confortavelmente, e prepare-se para bancar a gasolina e o IPVA.

Sete. Sabe a sua namorada? Quer casar. Acho melhor não discutir muito, sabe como é, né?! Seja rápido.

Um. Rápido demais. Recém casados, agora curtam a lua-de-mel dos sonhos... Dela. Fique três rodadas sem jogar.

Cinco. DIA DO PAGAMENTO.

Oito. Ferrou! Aquele seu amigo mala da faculdade acenou para você. Atravesse a rua, e aja como se nada tivesse acontecido... Ou seja falso, e fale com ele, na maior educação.

Dois. Que bonito, você será papai! Antes de chorar desesperadamente, comemore com sua esposa. Avance duas casas, até o restaurante. Depois, volte uma, até a loja de roupas infantis.

Nove. Nasceu!!! Agora comece a pensar na sua família. Nas contas da sua família. No trabalho que é ter uma família... Mas sorria! Ande uma casa, como consolo.

Um. Já pode começar a ver a beleza de ser pai. Ainda dá tempo, seu egoísta.

Quatro. O tempo passa.

Cinco. O tempo passa.

Seis. Bom, o tempo passou.

Sete. Os primeiros fios brancos já começam a aparecer, meu caro. Ou devo dizer “meu senhor”? Prepare-se para a aposentadoria.

Dois. O jogo está acabando. Mas antes, você foi pescar. Fique uma rodada curtindo com seus filhos... E netos.

Cinco. Gire a roleta novamente! Se você tirar número PAR, você irá para sua mansão, e passará o resto da vida rico e feliz, como um magnata. Se tirar número ÍMPAR, seu fim será trágico, solitário, em um asilo, sofrendo por não ter escolhido outro jogo para jogar.

Três. RÁ! PEGADINHA! Avance até seu final feliz. Abrace sua mulher, seus filhos, seus pais, e todos os seus queridos, olhe para trás, e veja por que casas você passou. Esqueça a roleta. A vida terminou, o jogo acabou.






Um comentário:

Joseana disse...

Adorei! Fiquei dando sorrisos que nem uma besta, hahaha. Queria ter o teu talento pra escrever, como tu é criativo! ^^